Tema: ,

Dieta rica em frutas e vegetais pode proteger contra a asma


Partilhar
Dieta rica em frutas e vegetais pode proteger contra a asma
Comer muita fruta e legumes protege contra asma, de acordo com uma nova pesquisa.

Ratos alimentados com uma dieta rica em fibras tiveram pulmões menos inflamados quando expostos aos ácaros que provocam a doença.

Os pesquisadores disseram que os resultados, publicados na revista Nature Medicine, podem aplicar-se aos seres humanos e sublinham como o que comemos pode influenciar o desenvolvimento de células imunes e doenças fora do intestino.

Um estudo anterior descobriu que a asma e a síndroma do intestino irritável (SII) podem ser causados ​​pela mesma reacção inflamatória. Pessoas que sofrem de SII são também duas vezes mais propensas a ter sintomas de asma.

SII é um distúrbio digestivo comum, que produz uma variedade de sintomas, incluindo cãibras, sensação de inchaço e uma mudança ou interrupção do hábito intestinal, como constipação ou diarreia.

Benjamin Marsland, da Universidade de Lausanne, na Suíça, disse que nas últimas décadas, a incidência de asma alérgica aumentou nos países em desenvolvimento, enquanto que o consumo de fibras alimentares diminuiu.

A sua equipa descobriu que os ratos alimentados com uma dieta pobre em fibras desenvolviam aumento da inflamação do pulmão em resposta a ácaros da poeira enquanto aqueles cujo alimento foi enriquecido com pectina, encontrada nas paredes celulares das plantas, apresentava uma redução da doença alérgica das vias aéreas.

A fibra solúvel usada para combater a constipação alterava a composição de bactérias no intestino. Uma vez ingerido, processam a fibra e libertam metabólitos, chamados ácidos graxos de cadeia curta, que entram no sangue e influenciam o desenvolvimento de células imunes noutras partes do corpo, incluindo os que entram no pulmão.

Nos ratinhos, a administração de propionato, um ácido gordo de cadeia curta produzido quando as bactérias do intestino metabolizam fibra, também reduziu a inflamação alérgica no pulmão, resultando no mesmo efeito protector da pectina.

Marsland afirma que o trabalho destaca a importância dos vegetais e fornece um mecanismo celular para controlar a asma. A fibra dietética tem muitos benefícios conhecidos, incluindo a redução do risco de doenças cardíacas e certos tipos de cancro.

Apesar desse facto, de acordo com os pesquisadores, a maioria das pessoas nos países ocidentais como a Grã-Bretanha, Austrália e Estados Unidos da América, comem muito menos fibras do que necessitam para se manterem saudáveis. [Dailymail]

0 comentários:

Enviar um comentário

Contacto

Nome

Email *

Mensagem *

Últimos