Tema:

Falta de cuidado ao cozinhar refeições no microondas pode deixá-lo doente


Partilhar
Falta de cuicado ao cozinhar refeições no microondas pode deixá-lo doente
Um surto de Salmonella que fez 44 pessoas adoecerem destaca a necessidade de os consumidores seguirem todas as indicações quando se trata de comida no microondas, de acordo com uma nova investigação do surto.

Durante o surto, que ocorreu no verão de 2010, pessoas ficaram doentes com um tipo de bactéria chamada Salmonella enterica. O surto foi mais tarde relacionado com o consumo de pratos de frango e arroz congelados, que foram posteriormente recolhidos.

A maioria das pessoas que ficaram doentes no surto relataram cozinhar a refeição no microondas, mas nem todos deixaram a refeição ficar o tempo recomendado no microondas antes de a tirarem, sugere um relatório recente do Centro de Controle de Doenças e Prevenção (CDC).

"O tempo de repouso no microondas faz parte do processo de cozimento", diz o relatório. "Os consumidores não devem apenas seguir as instruções para o microondas, mas também devem permitir que o produto repouse durante o tempo recomendado antes de consumirem", acrescentou.

Uma característica comum de surtos de origem alimentar - doença relacionada com refeições congeladas é o equívoco de que estes alimentos estão prontos para comer e só precisam de ser reaquecidos, afirma o CDC.

Mas, muitas vezes, cozinhar no microondas é um "ponto crítico de controlo para garantir que ingredientes crus e cozidos cheguem a uma temperatura suficiente para destruir perigos microbianos", disse o relatório.

Para evitar futuros surtos, os fabricantes devem identificar claramente os produtos como "não está pronto para comer", e fornecer as instruções passo-a-passo de culinária em refeições congeladas que são responsáveis ​​por variabilidade na potência de microondas, disse o relatório.

Além disso, os consumidores devem saber a potência do seu microondas e seguir cuidadosamente as instruções sobre como preparar as suas refeições congeladas, disse o relatório.

O CDC também recomendou o uso de um termómetro de alimentos para garantir que as refeições congeladas estão totalmente cozidas e que todos os componentes chegam a 74 graus Celsius. [Livescience]

0 comentários:

Enviar um comentário

Contacto

Nome

Email *

Mensagem *

Últimos