Tema:

Café pode afetar a saúde mental


Partilhar
Café pode afetar a saúde mental
Pessoas que bebem café devem ter cuidado: O hábito da cafeína pode induzir um transtorno mental temporário. [Conheça os efeitos positivos e negativos do café na saúde]

A nova edição do manual de saúde mental, o DSM-5, coloca a intoxicação por cafeína entre as muitas doenças conhecidas para a psiquiatria.

Inquietação, nervosismo, excitação, rosto vermelho, desconforto gastrointestinal, espasmos musculares, discurso incoerente, insónia, batimento cardíaco acelerado e irregular e outros sintomas podem ser familiares para muitos de nós, mas são sinais indicadores de intoxicação por cafeína.

Especificamente, um bebedor de café que tenha cinco ou mais destes sintomas durante, ou logo após, o consumo de cafeína pode ser diagnosticado com intoxicação por cafeína. A intoxicação também deve causar sofrimento ou prejudicar a capacidade do bebedor para funcionar.

Esta condição aparece tanto na antiga edição do Manual Diagnóstico e Estatístico de Transtornos Mentais (DSM-IV) como no novo DSM-5, mas a nova versão acrescenta um diagnóstico relacionado: retirada da cafeína, que descreve os efeitos de parar ou reduzir drasticamente o hábito.

Os sintomas de abstinência incluem dor de cabeça, fadiga, dificuldade de concentração, humor depressivo, entre outros. A cafeína é a droga comportamentalmente ativa mais usada no mundo e alguns consumidores podem não estar cientes da sua dependência física. [Quais os efeitos do café na saúde?]

De igual forma, a retirada de cafeína pode afetar o sono de uma pessoa, assim como afetar áreas como o trabalho e outros aspectos da sua vida. Tipicamente, a cafeína é usada como uma substância que melhora o desempenho.

É um estimulante de sabor amargo que acelera o sistema nervoso central, sendo o ideal para fazer alguém sentir-se desperto, alerta e enérgico. A cafeína é encontrada no café, chá e chocolate, e é adicionado à medicação da dor de cabeça, assim como em bebidas energéticas e alcoólicas, podendo até aparecer na água.

Alguns benefícios, como a redução do risco de alguns tipos de câncer, têm sido associados a beber café, mas o seu ingrediente ativo, a cafeína, também pode prejudicar. Em casos raros, quando consumida em doses elevadas o suficiente, a cafeína pode até matar.

Entre 2005 e 2009 , atendimentos de emergência associados ao consumo de bebidas energéticas à base de cafeína , muitas vezes em combinação com álcool e outras drogas , aumentou dez vezes .

Claro que , a cafeína não é a única substância que pode intoxicar. O uso de substâncias que alteram a mente como a cafeína podem alterar o comportamento, os processos mentais e causar sintomas físicos. [Livescience]

Recomendado pelo editor:

1 comentários:

Contacto

Nome

Email *

Mensagem *

Últimos